Superando limites e medos…

http://www.vidademargarina.com.br/wp-content/uploads/2014/03/vai-e-se-der-medo-vai-com-medo-mesmo.pnghttp://www.vidademargarina.com.br/wp-content/uploads/2014/03/vai-e-se-der-medo-vai-com-medo-mesmo.pngSuperando limites e medos…

1617614_716418621736216_2129475821_oNo domingo passado acordei às 5h30, tomei um café da manhã bem levinho e fui para a WRun. Como eu já esperava, o meu tempo foi horrível, fiz em 1h08 os 8km, mas completei e fiquei feliz demais por isso (apesar da imensa vontade de desistir). No final, já estava tão cansada, que só consegui manter o ritmo porque estava com maridinho no telefone e ele me animando a continuar em cada passo (no melhor estilo, vai lá, falta pouco… Tá quase chegando. Isso ainda na metade da prova. Kkkkkkkkk!). Cruzamos a linha de chegada juntos… Hahaha!! Foi fofo demais!!! Fotinho comigo suada, acabada, mas com minha medalha!! Ehhhhh!!!

Na segunda, o que começou como um dia básico (manicure, casa arrumada e pacote padrão), terminou como um dia bem diferente e que mudou toda a programação da semana (e me manteve com frio na barriga, enjoos e um meeedo quase pânico). O Wagner viu uma matéria sobre estudar inglês fora, foi pesquisar e encontrou um curso de inglês na Dublin City University (DCU).

E daí, Keyla?? Bom…. Daí que ele descobriu que esses cursos poderiam ser semanais e não semestrais ou anuais e que um curso intensivo de 08 semanas seria perfeito para eu melhorar o meu inglês e assim, conseguir aproveitar melhor as próximas viagens (tipo me comunicando com as pessoas, sabem?). Hahahahaha!! Mas tá que eu ficaria 08 semanas longe do marido e da Mel… De jeito nenhum! E então ele achou um outro lugar que oferecia cursos de 4 semanas. Esse tempo até que rolaria, mas sério, a escola que a gente tinha visto era bem mais fraca e não iria compensar custo/benefício.

Passou um tempinho (tipo uns 30 minutos) e marido achou o curso de 04 semanas (tempo que eu achava que rolava ficar fora), na DCU (universidade que eu tinha babado). Opsss!! Acabaram minhas desculpas em relação a tempo e lugar, mas ainda faltava onde ficar e me vi ali com ótimos motivos para vetar a viagem (enquanto o frio na barriga aumentava). Casa de família era a melhor opção (já que eu achava que no hotel eu iria me sentir muito sozinha depois de tanto tempo),  e então encontrei vááááárias desculpas: uma era muito longe, a outra era muita gente, na outra tinha um banheiro para 07 pessoas e por aí foi, cada casa uma desculpa melhor que a outra… Até que encontramos os residenciais estudantis, com quarto e banheiro individual (uéuéué… lá se foi a desculpa), e ainda ficava só à 400mt da universidade.

Na verdade, eu fiquei muito feliz com a possibilidade de fazer uma viagem assim (sério, é um sonho poder estudar fora), mas o medo do desconhecido e da saudade que vou sentir, me deixou um tanto paralisada e criar dificuldades foi o jeito que encontrei de não ter que enfrentar o desconhecido e nem ter que falar não para uma viagem dessas.

Respirei fundo (umas cem vezes, no mínimo)!!! Racionalizei todos os medos (a maioria deles pelo menos), conversei muito com marido e (para evitar uma crise de estresse pré viagem da maluquinha aqui) encontramos a WICE intercambios. Na verdade, a gente já tinha entrado em contato com a Universidade, com os residenciais, visto as passagens, escolhido o período e a agência foi o recurso que encontramos para me dar uma tranquilidade em saber que caso aconteça alguma coisa por lá, terei alguém que possa me ajudar.

No meio de tudo isso, a DCU informou que eu havia conseguido acomodação dentro do próprio Campus (EBA!!!) e enviou a reserva para efetuarmos o pagamento e confirmar a ida!

Na quinta, compramos as passagens (que eu enrolei para confirmar aquela passagem de ida e volta só para um)… Na sexta, fechamos o curso, a acomodação e a agência… Em junho, eu estarei na DCU, estudando inglês e conhecendo o verão de Dublin!

Ainda estou com medinho (não mais medão), borboletas na barriga batem suas asas (e até lá, só tendem a aumentar), sei que a saudade será difícil (nem quero pensar)… Mas assim como na corrida, sei que sempre terei o apoio do marido e que mesmo quando eu achar que está difícil e pensar em desistir, vou ter ele ao meu lado (mesmo que por telefone), me ajudando a manter a calma e me lembrando que falta só mais um pouquinho… Passo por passo, até a linha de chegada!!

Agora tirando o medo e as saudades…. Feliz, feliz, feliz!!! Terei a experiência de viver durante 30 dias dentro de um campus universitário em Dublin, estudando inglês em pleno verão europeu, com finais de semana livres na Irlanda e se eu me dedicar bastante, uma lição para todas as outras viagens, onde eu conseguirei me comunicar sem precisar de tradução.

E assim segue minha vida de margarina, agora com muitas borboletas no estômago e me preparando para novas experiências, fotos e mais histórias para contar (Viver, viver, viver… Do que adianta uma vida que não se vive?)!!! Tem como não amar e sorrir para a lua??

20131130_102255

Vou matar a saudade dessas ruas, só tenho que descobrir como suportar a saudade de não ter meu amorzinho comigo…

2 Comments Added

Join Discussion
  1. Marcela 24 de março de 2014 | Responder
    Oiii!! Que legal isso tudo acontecendo em sua vidinha de margarina... rsrs Parabéns por ter conseguido terminar a corrida mesmo estando extremamente cansada tenho certeza que foi uma super vitória em sua vida! Já a viagem, me faz lembrar meus tempos de Itália... que saudade daquela época! Curta sim cada momento que vai trazer ótimas oportunidades no futuro próximo e não deixe de relatar a experiência (quem dera Caio não existisse! rsrs)! Boa sorte e tudo de melhor para sua vida!! Bj
    • Keyla 24 de março de 2014 | Responder
      Oi Marcela, bom mesmo tudo que está acontecendo, realmente um ano de superações e novas experiências. Pode deixar que qdo chegar a hora, vou contando tudinho de como está sendo e até lá, vou postando os preparativos da viagem e as coisas do dia a dia que estão rolando por aqui. Ahhhhh... Cada fase sua beleza, seus encantos e suas descobertas, né? O importante é ser feliz em cada uma!! Adorei sua visitinha por aqui! bjs

Leave a Reply to Keyla Cancel Reply

*

Limpar tudo